[2018EmNárnia] O LEÃO, O GUARDA-ROUPA E A FEITICEIRA

narnialec3a3oguardafeiticeira.jpg

Autor: C. S. Lewis

Editora WMF Martins Fontes 

Edição 2009 – 752 pág. – Este conto 85 pág.

INDICADO PARA TODAS AS IDADES

SKOOB

Acesse também a resenha anterior:

O Sobrinho do Mago

Continuando o projeto realizamos a leitura da segunda crônica – e mais conhecida – quem nunca ouviu falar do Pedro, Suzana, Edmundo e Lúcia?

O título é longo, mas a história é das mais curtas, incrível como em menos de 100 páginas Lewis consegue nos levar da alegria intensa às lágrimas. É com certeza uma das crônicas mais belas por toda a sua mensagem transmitida.

Pedro, Suzana, Edmundo e Lúcia precisaram ir morar no campo para fugir dos ataques aéreos de Londres. Agora eles estão no casarão de um professor já idoso que vive na companhia dos criados. Entediados pela chuva, as crianças brincam de esconder e se deparam com um quarto onde se encontra apenas um guarda-roupa. Lúcia e sua alma curiosa adentram o móvel para se esconder e magicamente vai parar em um mundo onde é inverno, sim! Atrás dos casacos do guarda-roupa está uma floresta e Lúcia caminha por ela até encontrar um Fauno.

Quando ela retorna para o casarão pelo guarda-roupa, após ficar horas com o Fauno, Lúcia acha que levará uma bronca por ter sumido, mas seus irmãos duvidam dela e pedem que não minta, faz apenas alguns minutos que ela se escondeu e ao aparecer gritando acabou com a brincadeira…

Edmundo é o segundo a testa o guarda-roupa e vê que Lúcia não mentiu! Ele também vai parar na floresta em meio o inverno e lá conhece uma feiticeira, ela é bela e serve Edmundo com um manjar turco e mágico, maravilhoso, ele fica encantado e promete trazer seus irmãos para conhecer a feiticeira, em troca de mais manjar, claro.

O que Edmundo, em sua inocência, não sabe é que aquela é a terra de Nárnia, e a feiticeira é a responsável pelo inverno eterno. E que existe uma profecia de quatro crianças libertariam Nárnia da feiticeira, daí o interesse dela em colocar a mão nas crianças o mais rápido possível.

“É por causa de um encantamento dela que é sempre inverno em Nárnia, sempre inverno, mas o natal nunca chega.”

Uma aventura para nos ensinar a não sermos gananciosos, mentirosos e egoístas. Essa crônica ensina o amor e o dom do perdão e da amizade. Prova que o a força desses dons pode salvar vidas e nações.

É impossível ler sobre o encontro com Aslam e não sentir o calor que emana dele, seu amor e sua justiça. É impossível ler e não se emocionar com o sacríficio realizado.

“Ao ouvirem o nome de Aslam, os meninos sentiram que dentro deles algo vibrava intensamente.”

Uma obra pra ninguém colocar defeito. Acompanhem esse projeto pela hashtag #2018EmNárnia 

Leiam e aprendam mais e mais com Lewis, somente.

14 comentários sobre “[2018EmNárnia] O LEÃO, O GUARDA-ROUPA E A FEITICEIRA

  1. Cecília Justen de Souza disse:

    Ah, Vivi… Amo essas suas iniciativas de ler em conjunto e mostrar aqui no blog, porque eu amo as obras mas não criei coragem para ler. É o caso de Nárnia, o leão o guarda roupa e a feiticeira foi o meu filme favorito, então tenho um carinho muito grande, mas essa coisa de ler fantasia… Vish! hahaha

    Beijos!

    Curtir

  2. Eu Dejota disse:

    Eu amo essa história! Amo todos, mas principalmente Aslam, eu não sei o que ele me lembra, mas ele me traz um conforto, não sei explicar…enfim, já assisti inúmeras vezes e já li também e não me canso de repetir quantas vezes forem necessárias! Hahaha ❤

    Curtido por 1 pessoa

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s