[PRIMEIRAS IMPRESSÕES] CODINOME NEO

Codinome-neo

Autor: Gean Pimentel

Editora Coerência

*Exemplar cedido pela editora

Sabe aquele livro que você escolhe pela capa? Aconteceu assim com Codinome Neo, a chamada “Brasil: dias atuais. Eles estão entre nós.” me ganhou completamente, eu nem me preocupei em ler a sinopse, eu quis ler imediatamente.

Realizei a leitura dos 6 primeiros capítulos em ebook, deu aproximadamente 22% do livro e foi o suficiente pra me impactar de muitas formas.

Primeiramente ressalto que como indica a arte da capa, a obra fala sobre nazismo, mais especificamente neo-nazismo. Fica muito claro que neo-nazistas realmente estão entre nós, disfarçados de cidadãos comuns, mas que na verdade são pessoas cheias de ódio dentro de si, um ódio capaz de matar sem o menor remorso, um ódio que defende a bandeira de que o mundo será um lugar melhor sem gays, negros, deficientes, bêbados e etc. Em nosso cotidiano várias vezes nos deparamos com crimes que parecem não ter causa, em boa parte eles se justificam como crimes de ódio e são cometidos por essas pessoas, que se julgam melhores que todos os outros cidadãos do mundo.

Logo no início vemos dois crimes de ódio acontecer em uma pequena cidade do centro-oeste do Brasil, os crimes causam terror na população e deslocam uma delegada para a pequena cidade, seu plano é se infiltrar na rede de neo-nazistas e descobrir quem está por trás das barbaridades.

Alexia e Petrônio são o casal responsável por esses crimes iniciais, ambos fazem parte de uma célula neo-nazista com sede na capital e desejam comandar uma célula na pequena cidade em que vivem. Eles irão receber Murilo, Rayana e Ésio, três recrutas da célula da capital, enviados até Alexia e Petrônio para serem treinados nas doutrinas neo-nazistas. Eles serão o começo da célula da pequena cidade. Todos já cometeram crimes de ódio e foram selecionados por seu potencial.

Tem sido uma leitura difícil, embora o autor não entre em muitos detalhes brutais, ainda assim causa muita aversão ler sobre tanto ódio, ver como esses personagens fazem pouco caso da vida de outras pessoas, que muitas vezes não fizeram nada de errado, são somente pessoas diferentes e neo-nazistas não aceitam pessoas diferentes.

Em breve trago a resenha completa, mas já adianto que percebo uma obra extremamente crítica e marcante em Codinome Neo.

 

Anúncios

12 comentários sobre “[PRIMEIRAS IMPRESSÕES] CODINOME NEO

  1. Jessica | Fantástica Ficção disse:

    Oii Vivi. Eu sou super fã de obras que envolvem esse contexto mais profundo relacionado à épocas ou pensamentos de uma determinada época. É certo que as pessoas possuem caracteristicas de ódio e que se asssemelham muito ao nazismo. Acho super interessante ver que o autor tem como fundamento isso e como ele usa para trazer à vida das pessoas. Achei sensacional a proposta desta ficção. Beijos.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Gisele Lopes - Abdução Literária disse:

    Oi Vivi! Caramba, parece ser o tipo de livro com um conteúdo denso, mas ao mesmo tempo essencial. É difícil acreditar que existem pessoas assim, parece coisa de filme, mas aí lembramos que a arte imita a vida, e vice e versa. Me interesso bastante por esse tipo de história, apesar de ter que ingerí-las só de vez em quando, porque mexem demais comigo. Estou ansiosa para a resenha e conhecer a sua opinião completa sobre a história.

    Beijos,
    http://abducaoliteraria.com.br

    Curtir

  3. jOYCE disse:

    Olá Vivi, não consigo ler livros sem ler a sinopse antes kkk.
    Esse livro tem uma proposta bem diferente, não é um dos estilos de livros que gosto de ler, mas esse eu leria com certeza, porque gosto de assuntos novos ,temas diferentes e acho que esse se encaixa bem, sou bem curiosa, bjocas.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Cecília Justen de Souza disse:

    Ahh, Vivi! Amo suas indicações, menina!

    Sou apaixonada em história (século XX arrasa com meu coração), quero (inclusive) fazer faculdade de história quando der… Enfim, então como você pode perceber, adoro ler histórias que tratam de assuntos que se liguem na história. Acho o nazismo uma das piores coisas que já surgiram, mas adoro ler sobre o assunto. Ver essa ideia aqui no Brasil pode ser surpreendente, estou empolgada para ler sua resenha e para eu mesma ler o livro 🙂

    Beijos!
    http://www.as365coresdouniverso.com.br/

    Curtido por 1 pessoa

  5. Crônicas de Eloise disse:

    Adorei Vivi e assim como você amei a capa e essa frase, que também me chamou atenção. A maioria das vezes nem leio sinopse, ou compro livros pelas frases de impacto ou devido ao interesse do tema ou pelas resenhas dos blogueiros. Fiquei bem interessada nessa trama e super acredito que existam pessoas assim no mundo, mais do que imaginamos existir. Suspeito bastante dessas pessoas que desaparecem do nada por exemplo.

    Amei suas impressões, doida para saber a resenha completa.
    Bjokas da Elo!
    http://cronicasdeeloise.blogspot.com.br/

    Curtido por 1 pessoa

  6. fuxicoliterario disse:

    Oii Vivi, nossa que livro pesado … Não sei, fiquei curiosa para ler mas ao mesmo tempo não sei se conseguiria ler ele de uma vez só sabe. Aconteceu isso uma vez li um livro assim e lei 3 meses para ler porque eu lia parava lia outro livros depois voltada pra ele de novo… e foi assim até terminar. São vários socos no estomago, de uma vez só não da rs
    Beeijos ❤

    Curtido por 1 pessoa

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s