[RESENHA] A CABANA

aCabana (6)Título Original: The Shack

Autor: William P. Young com a colaboração de Wayne Jacobsen e Brad Cummings

Editora Sextante – Ed. 2008 –  Ebook

Favoritado ♥

Não espere ler um livro como A Cabana e permanecer indiferente. Abra sua mente e aceite essa história como um dos mais profundos ensinamentos sobre a vida e o relacionamento entre Deus e o homem.

“Nada nos deixa tão solitários quanto nossos segredos. Paul Tournier” Posição 268

Mackenzie Allen Philip cresceu em um lar conturbado. Seu pai era alcoólatra e agressivo, razão que o faz fugir de casa aos 13 anos.

Agora adulto e casado com Nan, Mack possui uma relação estritamente religiosa com Deus. Ele acredita em toda a bíblia e a divindade, mas nunca conseguiu se sentir próximo ou entender todos os ensinamentos de Deus. Já sua mulher Nan trata Deus como Papai, de tão íntima que se sente com Ele.

“Mack não é muito religioso. Parece ter uma relação de amor e ódio com a religião e talvez até com Deus, que ele imagina como um ser mal-humorado, distante e altivo.” Posição 89

A vida de Mack era bem comum com sua mulher e seus filhos Jon, Tyler, Josh, Katherine (Kate) e Melissa (Missy). Mas tudo muda drasticamente quando Missy desaparece durante um acampamento da família, A Grande Tristeza, como é tratada no livro.

“Às vezes ele podia sentir a Grande Tristeza se apertando lentamente ao redor do peito e do coração, como os anéis esmagadores de uma jibóia” Posição 281

Após muitas buscas a polícia localiza somente o vestido que Missy usava quando sumiu abandonado em uma poça de sangue em uma cabana abandonada.

A vida de Mack desmorona e mais do que nunca sua relação com Deus é abalada. A grande questão do livro é: Como Deus permite que coisas tão ruins aconteçam com as pessoas boas?

ACabana (5)

Durante uma nevasca uma carta chega a Mack embora o correio não estivesse funcionando e nela o seguinte bilhete:

“Já faz um tempo. Senti sua falta. Estarei na cabana no fim de semana que vem, se você quiser me encontrar. Papai.”

Como explicar tal bilhete? Mack não conta a ninguém de sua família, é um assunto doloroso demais para se falar, mas ele não tira da cabeça o assunto e decide ir à cabana e descobrir quem poderia ter escrito tal bilhete. O único a quem ele confia o segredo é seu amigo Willie o escritor do livro que embora achando tudo muito estranho e perigoso ajuda Mack em tal viagem.

O que acontece quando Mack chega à cabana transcende qualquer história que você já leu.

”Se você odiar esta história, desculpe, ela não foi escrita para você. ” Prefácio

Uma obra polêmica por tratar de um assunto muito particular, a fé. Você vai amar ou odiar esse livro, mas não ficará indiferente.

“A fé nunca sabe aonde está sendo levada. Mas conhece e ama Aquele que a está levando.” – Oswald Chambers

Eu realmente acredito que esse livro só fará sentido para aqueles que estejam preparados para ouvir a história. Em muitos momentos a linguagem é tão figurativa quanto à da bíblia e nesse caso somente uma dose cavalar de fé pode te dar entendimento suficiente para interpretar o texto.

São muitos temas abordados, a Santíssima Trindade, o Bem e o mal, o relacionamento homem e Deus, o perdão, a raiva, a vida na eternidade. E todas essas questões são respondidas. Mas você só vai entender se realmente estiver disposto a isso.

“O problema é que muitas pessoas tentam entender um pouco o que sou pensando no melhor que elas podem ser, projetando isso ao enésimo grau, multiplicando por toda a bondade que são capazes de perceber – o que frequentemente não é muita – , e depois chamam o resultado de Deus. E, embora possa parecer um esforço nobre, a verdade é que fica lamentavelmente distante do que realmente sou.” Posição 1182

Eu não acredito em religião, e acho que esse tema nunca deve ser debatido porque cada um terá sua opinião. Mas A Cabana trata exatamente sobre isso, Deus em um contexto NÃO religioso, Deus como um ser alcançável e real.

“Os homens jamais fazem o mal tão completamente e com tanta alegria como quando o fazem a partir de uma convicção religiosa” – Blaise Pascal

Cada um dos 18 capítulos inicia com uma citação e eu queria colar todas pra vocês aqui! São maravilhosas e trazem muito conteúdo. Em vários momentos precisei interromper a leitura para meditar. É um livro curto, mas não deve ser lido com pressa, precisa ser digerido e muito pensado.

“Um Deus infinito pode se dar por inteiro a cada um de seus filhos. Ele não se distribui de modo que cada um tenha uma parte, mas a cada um ele se dá inteiro, tão integralmente como se não houvesse outros.” – A. W. Tozer

A leitura de A Cabana é uma experiência muito pessoal, não leia só porque eu estou indicando e nem deixe de ler porque alguém falou mal. Tome essa decisão sozinho. Eu particularmente adiei muito essa leitura porque achei que era um livro espírita e me desculpem mas realmente não curto, já tentei ler e não rolou. Mas acredito ter lido no momento da minha vida que mais precisei e quando tive maturidade para compreender essa história.

ACabana (4)

Ela começa muito triste e eu realmente não imaginei como uma tragédia tão grande na família de Mack poderia trazer algo de bom, mas acredite, isso aconteceu.

O livro foi adaptado para o cinema e lançado ontem. Pelo trailer está bastante fiel a história. Promete ser um filme com grande carga de ensinamentos, não só emocional, mas espiritual.

“Submissão não tem a ver com autoridade e não é obediência. Tem a ver com relacionamento de amor e respeito.” Posição 1851

Indico para todas as pessoas que acreditam em Deus e desejam compreender mais de sua criação e de seus pensamentos.

Assistam o trailer, tirem suas conclusões e não se esqueçam, se não gostarem tudo bem, não é pra você, talvez outro dia em outro momento de sua vida, não se chateie com isso, só siga em frente.

“Mas talvez eu tenha outro monte de perguntas. – E temos toda a sua vida para respondê-las.” Posição 1395

Anúncios

40 comentários sobre “[RESENHA] A CABANA

  1. Jessica Rabelo disse:

    Oii Vivi. Eu li A Cabana em meados de 2013. Lembro de me sentar e pensar: puxa, será que vou gostar desse livro?
    Primeiro eu gostaria de te parabenizar pela resenha pois acredito em tudo que você disse. Nós só conseguimos entender o que A Cabana tem a passar se estivermos preparados para isso.
    Ao ler A Cabana percebi o quão é ruim Julgar Deus pelos atos ruins. Mas principalmente que ele está em todas as coisas. Basta a gente procurar com vontade.
    Beijos.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Mirelle Almeida disse:

    Oi, Vivi!
    Senti que você se envolveu mesmo com o livro, cada palavra sua transborda emoção. Já faz um tempo que li esse livro e concordo com você, nem todos estão preparados para a mensagem que ele passa, é preciso lê-lo com calma pra poder entender o propósito maior da obra: o amor de Deus para conosco, apesar de nossa incredulidade em certos momentos, por isso que o livro não é religioso.
    Quero voltar a ler o livro, faz muitos anos que o li e a tua resenha me fez querer relê-lo. Ela emana um sentimento tão bom, acho que você alcançou o seu objetivo de tocar quem lê suas palavras.
    Beijooos

    Curtido por 1 pessoa

  3. Rose disse:

    Nossa ouvi falar do filme que está em cartaz nos cinemas, mas não sabia que a história vinha de um livro. E pela sua resenha já estou empolgada para ler e depois assistir ao filme. Falar sobre Deus, fé é um assunto muito interessante. Cada um na sua particularidade e acima de tudo com respeito, por opiniões e religiões diferentes. Sucesso pra você.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Caos Feminino (@ocaosfeminino) disse:

    A primeira vez que li o livro, não gostei da leitura e foi bem maçante. Nessa nova edição, algumas coisas mudaram e foi bem mais fácil, emocionante e impactante. Estou louca pra ir ver o filme logo, mas só na próxima semana. Esse livro é algo que todo mundo deve ter e passar, para entender o temor e o amor de Deus para conosco. Bjs

    Curtido por 1 pessoa

  5. Thai disse:

    Oiee!
    Na 6ª série, eu tive a chance de ler esse livro, e não quis. Uma garota me falou do livro, disse que era muito pesado, e acabei não querendo. Os anos se passaram, continuei evitando. Esse é um daqueles livros que eu conhecia, já tinha ouvido falar, mas não conhecia d everdade, e agora com sua resenha, me bateu a vontade de ler. Porque eu acredito em Deus, e queria entender um pouco mais dos pensamentos dele, acho que esse seia um bom livro pra imaginar.
    Bjs

    Curtido por 1 pessoa

  6. Camila Mondaini disse:

    Oi Vivi!
    Nossa eu vi esse filme e fiquei muito emocionada! É uma história linda sobre o perdão e o amor de Deus e o que esse amor pode fazer na vida de uma pessoa. Sem dúvidas quero ler o livro, mesmo tento visto (e amado!!) o filme.
    Linda resenha, me fez lembrar muitas partes do filme.

    beijinhos!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s